Portal O Novo Oeste
Jonh Deere
Cresol
Copacol Supermercados

PR declara estado de epidemia de H3N2


12/01/2022

PR declara estado de epidemia de H3N2

O secretrio de Estado da Sade, Beto Preto, anunciou na manh desta quarta-feira (12) que o Paran est em estado de epidemia da gripe Influenza. O aumento no nmero de casos dirios de H3N2 (um tipo do vrus Influenza A) e bitos em decorrncia da doena levaram a esta deciso.

A medida necessria considerando a transmisso comunitria e a presena do vrus em 144 municpios do Estado. Agora, 832 casos sendo 805 residentes no Paran e 27 de fora do Estado e 12 mortes esto confirmados. Os dados foram coletados at esta tera (11) por meio do Gerenciador de Ambiente Laboratorial (GAL).

Este nmero de casos e bitos o registro que conseguimos da investigao epidemiolgica aps a deteco da doena pelas unidades sentinela, o que certamente no representa a realidade da doena no Estado. Temos estimativa que este nmero de confirmaes seja pelo menos 20 vezes maior, afirmou o secretrio.

TRANSMISSO

A transmisso dos vrus da Influenza, em sua maioria, ocorre durante os perodos mais frios, no inverno. Agora, o Estado vive uma situao atpica de confirmaes de casos durante o vero, aumentando consideravelmente a procura por atendimento mdico em todas as regies.

Segundo Beto Preto, a transmisso do vrus acelerou durante as festividades de fim de ano. Tivemos um grande nmero de aglomeraes familiares pelo Natal e Ano Novo, alm de muitas pessoas no Litoral do Estado. Com isso, a transmisso da doena se intensificou. Precisamos continuar com os cuidados, com o uso de mscaras, lcool em gel, lavagem das mos e distanciamento quando possvel, disse.

BITOS

Os bitos referem-se a seis mulheres e seis homens, com idades que variam de 44 a 83 anos. As mortes ocorreram entre 11 de dezembro de 2021 e 10 de janeiro de 2022. Onze tinham algum tipo de comorbidade e um caso segue em investigao. Seis no haviam tomado a vacina contra a Influenza e um permanece em investigao.

Os que faleceram eram moradores de Arapongas (1), Curitiba (2), Foz do Iguau (1), Londrina (2), Mandaguau (1), Maring (1), Marumbi (1), Paranagu (2) e Tapira (1).

VACINA

Mais de 616 mil doses de vacinas contra a Influenza esto nos municpios. Elas fazem parte da Campanha Nacional de Imunizao Contra a Gripe de 2021 e tm validade importante nesse momento de surto de casos. Segundo os dados do vacinmetro nacional, o Paran tem cerca de 70,40% de cobertura dentro dos grupos prioritrios, com 2,1 milhes de doses aplicadas.

O Ministrio da Sade prev para o incio de abril o envio de uma nova vacina com a imunizao para todos os vrus circulantes e j reconhecidos laboratorialmente.

Onde tiver vacina, que ela seja aplicada porque ela protege contra a maioria dos vrus circulantes. Isso ajuda no diagnstico diferencial das Sndromes Respiratrias. Contamos com a colaborao dos municpios para zerar essas doses existentes. Essa nova vacina j deve vir com a proteo contra a cepa Darwin da H3N2 e, nos prximos meses, devemos receber esse novo imunizante, explicou o secretrio.

EPIDEMIA

Epidemia a manifestao coletiva de uma doena que rapidamente se espalha, por contgio direto ou indireto, at atingir um grande nmero de pessoas em um determinado territrio e se extingue aps um perodo. No havia registros de tantos casos neste perodo desde o incio do monitoramento dos casos da Influenza A (H3) pela Sesa em 2016.

Todos os esforos para conter o surto da doena esto sendo feitos, inclusive o envio para as Regionais de Sade do antiviral para o tratamento, o fosfato de oseltamivir, conhecido como Tamiflu, afirmou a diretora de Ateno e Vigilncia em Sade, Maria Goretti David Lopes.

A Sesa descentralizou na ltima semana 460 mil cpsulas de Tamiflu e j protocolou um novo pedido junto ao Ministrio da Sade, de mais 100 mil unidades. O medicamento possui efetividade contra o agravamento do quadro clnico, diminuindo o risco de morte ou a gravidade dos sintomas no paciente.

Se administrado em at 48 horas aps a infeco pelo vrus, o medicamento possui grande efetividade no agravamento da doena e tambm na diminuio de internaes, acrescentou Beto Preto.

DADOS

Os dados divulgados nesta quarta foram extrados so do Gerenciador de Ambiente Laboratorial (GAL), alimentado pelos laboratrios de todo o Estado, tanto do Sistema nico de Sade (SUS) quanto da iniciativa privada.

As informaes do boletim da Influenza e demais vrus respiratrios no Paran, publicados no site da Secretaria, so levantadas atravs da Vigilncia Sentinela de Sndrome Gripal (SG) e da Vigilncia Universal dos casos de Sndrome Respiratria Aguda Grave (SRAG) hospitalizados, e os bitos por meio do sistema de informao oficial de notificaes por SRAG, SIVEP Gripe.

A Vigilncia Sentinela de SG composta por uma rede de 34 servios de sade para atendimento, que esto distribudos nas 22 Regionais de Sade e 28 municpios no Estado. A Vigilncia de SRAG monitora os casos hospitalizados e bitos.

Ambas possuem o objetivo de identificar o comportamento dos vrus respiratrios, orientando os rgos de sade na tomada de deciso, frente ocorrncia de casos graves e surtos e auxiliando na escolha dos vrus que vo compor a prxima vacina da gripe a ser utilizada.

Curta os links abaixo e recebe de forma exclusiva as notcias do Portal O Novo Oeste.

Facebook

https://www.facebook.com/onovooeste/?eid=ARC47Mdx7sXUeUu6-1CZ5veHUd1JGYA1KNsA-AVVrOOxLieoOwKozhk2RIoFNK33rr8-87lgrcmCfUNw

Instagram

https://www.instagram.com/onovooeste/?hl=pt-br

Iguau seguros
Sicredi
BioNova
Bortolato
Center
Consultec
Sicoob
Coopercaf
Nova Aurora
Juliano
Solsten Solar
Itaipu
Univel
Cobb 2
Frimesa
Cresol
Gela a Boca
Trevisol
mercado Oliveira
Unica antiga unimed
Assis
Papa lguas
Movimet
Jonh Deere
Odontosan